terça-feira, 17 de março de 2009

Deus existe?

Respondo começando com outra pergunta: você existe?
Se você, um ser tão complexo (e complicado) existe, veio de onde?
Como somos formados no ventre da nossa mãe e evoluímos a todo instante, desenvolvendo nosso corpo e nossos conhecimentos, graças a capacidade racional que temos?

Temos? Ganhamos de quem?
Força maior criaria isso? Não, só uma força maior não bastaria! Falta o dono dessa força.
Evolução? Engraçado, os macacos do zoo continuam sendo macacos!
E a natureza? O mundo? De onde vieram? Quem plantou essa semente?
Explosão? Seria essa a força maior?
Que explosão por mais gigantesca que seja criaria isso tudo. Isso tudo...
Não foi semente. Foi poder!
Só sabe mesmo quem conhece a fonte desse poder.
Deus criou tudo com a voz! Bastou uma palavra, haja... e houve.
Mas o homem não. Ele demonstrou um cuidado maior, modelou com as mãos, e assoprando deu o fôlego!
Não obstante a criação, sustenta sua obra todos os dias!
Sustenta mesmo? Sim, estamos vivos.
A força maior não é Ele, vem dEle.
Mas a melhor criação de Deus, que ganhou dEle a capacidade de pensar, hoje questiona a Sua existência. Isso chama-se livre arbítrio. Todos nós podemos fazer escolhas, a minha, é confiar em Deus, por ter a maior prova da fidelidade dEle: a minha vida!
E você, acredita no teu criador?
[Dan Loth]

.importa-te a vida alheia?

Porque ligamos pro pensamento dos outros sobre nós?
Nem sempre é pra saber se agradamos!
Muitas vezes, o que queremos mesmo é ter a visão de “fora”, de alguém que não nos conhece por dentro, como só nos mesmos nos conhecemos.
Saber como somos rotulados, vistos, percebidos.
Talvez saber se nossa mascara cola, saca? Se nossa mentira parece real ou, se você como eu não tem “rabo preso”, se nossas verdades são realmente encaradas com aceitação.
Para nós, a melhor, mais perfeita e legal pessoa quem é senão nós mesmos?
A questão é saber se essa posição também é dos outros.
Mas se pensarmos bem, o que importa o parecer dos outros quanto a nós?
Quem senão nós mesmos nos confrontamos com nossas razões e emoções diariamente, a ponto de tomarmos atitudes que ao olhar dos outros parece grotesca?
A vida de cada um, é de cada um (cheguei a conclusão sozinho).
Então cabe a própria pessoa compreender sua própria vida, e assim sendo, decidir sobre ela! Agora, se cada ser comanda sua própria vida, deve ser relevante o pensamento dos outros quanto a ela!
Mas porque não é? Retornamos a indagação inicial!

Conclusão? Queremos mesmo é saber se pensam da gente, o que queremos que pensem! Questão de curiosidade!
[Dan Loth]

.ficadica!

Passos para se ter uma vida saudável e feliz:

- Ouça boas músicas.

- Tenha pelo menos 1 amigo.

- Não assista TV, leia livros.

- Durma pelo menos 7 hrs e meia por noite.

- Tenha fé.

- Tenha regras e horários, seja organizado.

- Ame, mesmo sem ser amado.

- NÃO LEVE A SÉRIO NADA DISSO!!!

.posso concordá?

BregadO!

.please me rangue!



.sabe aquelas pessoas que para irem na padaria da esquina colocam aquela roupitcha pra chamar aquela atenção? Pois é, parecem que elas querem o tempo todo dizer: "olhem pra mim, me admirem, me notem, olhem meu bumbum, me comam, me rangueeem, por favor"!

Aquela calça justíssima, camisa aberta e peito peludo de fora, ou aquela micro saia pink, um tomara que caia verde limão, salto 15 vermelho! Bregas né, mas se sentem a sedução personificada!

Sabe, tipo, parece baixou ali algo de Sydnei Magal com Gretchem, um pouco das coelhinhas da playboy. Uma mistura que não passa despercebida diante dos nossos olhos! Mas isso não nos faz correr atrás! Certeza que não!

Me intriga saber na verdade qual a verdadeira intenção dessas pessoas! Concluo que querem mesmo é serem servidos num prato, como um bom rango. Só pode!

Beijodesligo!

.Bin Laden do Paraguai!

Tento imaginar o que um pai piloto de última viagem fala para a filha, única passageira do vôo, antes de sobrevoarem:

Passageirinha, aperte o cinto, voaremos rumo a nossa morte”, será divertido, voaremos entre prédios, assustaremos pessoas nas sacadas com câmeras nas mãos, e se possível cairemos na cabeça de alguma multidão, para aparecermos uns três fins de semana no fantástico, os destroços e nossos corpos serem retirados ao vivo na TV, sermos questões de vestibulares no final do ano, e principalmente, pra acabarmos com o MEU problema!”


Bin Laden do Paraguai. Ou melhor, do Brasil.

Pelo menos caso sobrevivesse com certeza não seria excomungado!

Mããs, isso já é outro assunto né Sr. Padre Injustiça!

Beijodesligo!